Sinopses

A Viagem da Minha Vida -Greyce Kelly

By on 21/04/2016

Editora: Buritiviagemdavida

Páginas: 305

John Mayer é um jovem despojado, herdeiro de uma grande rede de fast food. Aos 26 anos descobre possuir um tumor cerebral agressivo, em um local onde não há possibilidade de operar. Abalado, decide então, junto com seus dois melhores amigos Brian, diretor de arte e acionista na empresa e Carter, diretor de marketing, a saírem em uma viagem maluca que mudará o rumo de suas vidas, mudando suas visões sobre a vida, amores e família. Com ela, John aprende que sofrer não é uma opção, que as coisas acontecem, mas acima de tudo que viver uma grande aventura.

Boa leitura, beijos! ♥

Continue Reading

Sinopses

Nós 4 – João Anzanello Carrascoza e Vivina de Assis Viana

By on 10/04/2016

Editora: Autênticanos4

Páginas: 128

A internet é uma ferramenta brilhante que encurtou distâncias e permitiu às pessoas de todo o mundo a comunicação em tempo real. Este é o caso de Rafa e Juju, dois jovens apaixonados que trocam mensagens a distância. Os adolescentes são os protagonistas de um dos lados do romance juvenil “Nós 4”, lançamento da Autêntica Editora, resultado da parceria dos amigos João Anzanello Carrascoza e Vivina de Assis Viana, que escreveram a obra totalmente por e-mail. O livro é composto por duas trocas de correspondência independentes (porém ligadas) entre dois pares de amigos.

Tudo começou na Rua 24, em Curitiba, em 1994. João e Vivina estavam passeando quando surgiu a ideia do projeto e, desde então, nunca mais tocaram no assunto. Até que em 5 de fevereiro de 2009, João enviou um e-mail para a amiga com o primeiro capítulo da obra, que traz Juju e Rafa, vizinhos em São Paulo, dois adolescentes que se gostam e são muito próximos. Mas, devido à mudança da família de Rafa para os Estados Unidos, são separados e obrigados a manter contato apenas por e-mail. Na troca de mensagens, os dois relatam suas experiências, expõem suas ideias sobre a vida e mostram todo o afeto que os une, mesmo a distância.

Do outro lado do livro, conversas dos autores registram o andamento da história. Vivina e João deixam claro que este livro é escrito a quatro mãos e que uma narrativa escrita assim tem mão dupla. Os autores participam ativamente das mensagens do casal adolescente. Vivina justifica seus atrasos nas respostas, assim como Juju. A menina cita João Carrascoza quando vai com seu pai ao lançamento do livro A vida naquela hora, do autor. Tudo se conecta, e tudo é feito para manter a amizade, pois “a amizade é um amor que nunca acaba”, como diria a amiga de João. Ao mesmo tempo, os dois autores mostram um pouco de seu cotidiano, alguns aspectos de suas vidas e a imensa amizade, admiração e carinho que os une.

Fisicamente, o livro começa dos dois lados. A correspondência entre Juju e Rafa de um lado, enquanto a correspondência entre Vivina e João começa do outro, o que faz com que os dois “blocos” de mensagens terminem no mesmo ponto, ou seja, no meio do livro – que tem duas capas. A diagramação é original, reproduz visualmente os e-mails e a linguagem remete à netspeak, fala da rede, apropriando-se de abreviações e emoticons. As ilustrações de Christiane Costa são colagens feitas a partir de fotos do acervo pessoal dos dois autores e de cenas e figuras capturadas na internet.

Boa leitura, beijos! ♥

Continue Reading

Sinopses

Encrenca – Non Pratt

By on 08/04/2016

Editora: Verusencrenca

Páginas: 308

Encrenca é a história de dois jovens que estendem a mão um para o outro quando todas as demais pessoas parecem lhes dar as costas.

Quando o colégio inteiro descobre que Hannah Sheppard está grávida, ela tem um verdadeiro colapso. E quem está ao seu lado é Aaron Tyler, um aluno novo e o único garoto que não parece ter segundas intenções em relação a ela. Desejando compensar seus erros do passado, Aaron toma uma difícil decisão: ele se oferece para fingir ser o pai do bebê. E, temendo revelar quem é o verdadeiro pai, Hannah aceita. Em um período marcado por perdas, arrependimentos e esperança, os dois vão descobrir que nada se compara a encontrar o seu primeiro melhor amigo de verdade. Este livro inteligente, por vezes comovente e engraçado, mostra que crescer pode ser complicado, mas é assim que se descobre o que realmente importa na vida.

Boa leitura, beijos! ♥

Continue Reading

Indicação do Leitor | Resenhas

[Resenha] Friend-Zoned – Belle Aurora

By on 08/03/2016

Oii, boa tarde leitores!

Começando a semana com resenha ilustrada, siiiim, minha inspiração voltou e estou muito feliz com isso, nada como comemorar postando novas ilustrações. Além disso não posso deixar de mencionar que a resenha de hoje é especial para todas as leitoras, um Feliz Dia das Mulheres para todas nós! ♥

O livro de hoje é um romance com alguns toques mais quentes, gosto de alertar logo no início para que ninguém seja surpreendido. Indico para os leitores acima de 18 anos. Esse título me foi indicado por uma amiga e chegou na hora certa, estava precisando de um romance.

Valentina Tomic é dona da “Safira Boutique”, uma loja de roupas. Ela ama o que faz e para os funcionários e clientes, ela é apenas a gerente, se sente melhor sendo vista como funcionária também. Depois de uma grande decepção amorosa, Tina, como é conhecida, tem medo de se envolver e sofrer novamente, por isso prefere ficar sozinha. Apesar de todo o sofrimento, ela é gentil e gosta sempre de ajudar a todos, cozinhar e principalmente fazer doces é uma de suas paixões. Além disso, ela não mora completamente sozinha, ela tem um gatinho para lhe fazer companhia, seu nome é Bear.

“Não me interpretem mal, eu não sou suicida. Alguns dias são apenas difíceis e você quer ir dormir e acordar depois de uma semana e que seu problema tenha desaparecido. Todo mundo se sente assim de vez em quando.”

Nikolai Leokov é dono da “The White Rabbit”, um clube noturno. Ele é o típico empresário bonitão, que não se envolve seriamente com nenhuma mulher, mas não pense que por isso é frio, pelo contrário, ele ajuda sua família e gosta de muito de se reunir com todos que ama. Ele tem uma história de vida complicada, depois que perdeu o pai, acabou se tornando o “homem da casa” e por isso teve que manter uma postura diferente. Por ter muito dinheiro, ele não confia nas mulheres, acha que a maioria apenas se aproxima por interesse.

Valentina com essa maneira de querer agradar a todos, resolve mandar um bilhete com um doce ao rapaz do clube da frente, ela o vê diariamente fumando e o acho muito sério e rabujento, pensa que se o mesmo sorrisse, ficaria muito mais bonito. Ao mandar o bilhete, ela esquece que o papel utilizado possui a marca da loja e acaba sendo descoberta, rs.

“— Amar alguém é confiar nesta pessoa com o seu coração e rezar para que ela não o quebre. É sobre ter fé um no outro.”

Nick quando recebe o doce e o bilhete, se surpreende, quem poderia imaginar que um homem como ele receberia algo assim de uma mulher, ainda mais com uma mensagem dessa. Como não esconde as coisas de seus amigos/ família, acaba virando piada e por isso decide atravessar a rua e conhecer a destinatária.

” O amor é sagrado.  Um presente de uma pessoa para outra. O amor une as pessoas, não importa o quão diferente elas possam ser. “

O encontro de Nick e Tina acontece de forma um pouco constrangedora, ela se sente tímida diante dele, ainda mais porque fez isso de forma secreta, não podia imaginar que ele um dia descobriria. A partir desse momento, eles começam a se ver e se falar mais , tornando-se assim amigos.

“— Mas estou curioso sobre você, pequena Tina. Como é que uma mulher que é dona de seu próprio negócio, cozinha como você, e é tão bonita como você é, não tem namorado?
Ele pensa que eu sou bonita?
— Uh, eu acho que posso lhe perguntar a mesma coisa. Você deve saber que é lindo. E você é o dono de um clube noturno muito popular. Como é que você não tem uma namorada?
Ele sorri.
— Ah, o velho truque de responder a uma pergunta com outra pergunta. Eu vou responder a sua, mas você vai responder a minha pergunta também, certo?”

Nick administra o clube “The White Rabbit” junto com Max, Ghost e Trick, os rapazes quando conhecem Tina se surpreendem tanto com seus dotes culinários, como com a maneira de ser da mesma, além é claro da beleza. E não entendem como Nick consegue ser apenas um amigo. O mesmo ocorre com Nat, Mimi e Lola, amigas de Tina, elas acompanham a amizade e aos poucos vão percebendo que a amiga está se apaixonando, está conseguindo começar a confiar em outro homem.

“Entendeu??! The White Rabbit é um clube temático de Alice no País das Maravilhas!!!”

Além do casal principal, os personagens secundários são adoráveis, Nat é a melhor amiga de Tina, um pouco maluquinha, a que sempre tem uma palavra amiga e que participa dos momentos bons e ruins. Max é irmão do Nick, tem uma filha paraplégica que é a queridinha de todos. Ele tem um grande humor apesar de tudo pelo que já passou pela vida.

“Escrito em balas de framboesa está ‘Sinto muito’.
Escrito em balinhas de maçã verde está ‘Sinto sua falta’.
Escrito em balinhas de cereja está ‘Eu te amo’.
Meu coração salta uma batida na última linha.
Escrito em ursinhos de goma está ‘Casa comigo?’.”

friendfriend4friend3friend5

Ah, que livro adorável, a história tem humor, drama, romance. Achei maravilhosa a ideia da autora de separar os capítulos alternando ora narração do Nick, ora da Tina. Isso possibilita saber exatamente o que ambos estão pensando, sentindo, você se sente mais próxima dos personagens. Ao contrário da maioria dos livros, é possível prever o final, mas não acontece tudo de forma tão direta e óbvia, há muitos fatos e situações que não estamos prevendo, o que torna tudo mais interessante. Infelizmente esse livro ainda não foi lançado no Brasil, eu espero que alguma editora o faça, pelo que pesquisei ainda há três livros, estou ansiosa para lê-los.

Boa leitura, beijos! ♥

Continue Reading

Sinopses

Duff – Kody Keplinger

By on 29/01/2016

Editora: Globo Altduff

Páginas: 328

Em um grupo de amigas, a DUFF – sigla para Designated Ugly Fat Friend – é aquela que não se destaca, a menos atraente da turma. Ela não se enquadra nos padrões de beleza tradicionais, ou se preocupa menos com o visual, mas nem por isso deixa de ter seus encantos. Bianca Piper é esse tipo de garota. E estava muito bem, até que Wesley Rush, o pegador da escola, veio puxar conversa dizendo que ser legal com a DUFF o ajudaria a se dar bem com suas amigas Casey e Jessica. A partir de então, Bianca começa a se questionar: ela seria a amiga feia?

As vantagens e as desvantagens de ser uma DUFF, o que leva alguém a pensar que é uma e outras dúvidas começam a ocupar os pensamentos de Bianca e só não dominam sua cabeça porque ela tem problemas maiores. O casamento de seus pais não vai bem e no dia em que ela descobre que eles estão se divorciando, decide sair com suas amigas para esquecer. Enquanto Casey e Jess se divertem, Bianca encontra Wesley e, num impulso, o beija.

Os dois começam uma espécie de inimizade colorida. Bianca acha Wesley um galinha, que se aproveita da beleza e do dinheiro para ficar com o maior número de meninas possível, mas, no fundo, sente-se atraída por ele. Wesley é um cara amigável e não perde uma oportunidade de ficar com ela, ainda que continue chamando Bianca de DUFF. Com a convivência, os dois descobrem que as aparências enganam.

Bianca Piper é uma protagonista independente, boa aluna, cínica e descolada. Com senso de humor e diálogos afiados, Kody Keplinger criou um romance sobre a amizade e o amor próprio, que aborda com leveza questões como a competição entre as meninas e a importância dada às aparências. Ao enfrentar seus problemas, Bianca amadurece e descobre que os rótulos que colocamos uns nos outros são armadilhas muito perigosas.

DUFF figurou em segundo lugar na lista do New York Times de Young Adult, além de ter estreado nos cinemas brasileiros em 2015.

Boa leitura, beijos! ♥

Continue Reading

Indicação do Leitor | Resenhas

[Resenha] Running Barefoot – Amy Harmon

By on 28/12/2015

Oii, boa noite!

A resenha de hoje é sobre um livro que me foi indicado, infelizmente ainda não foi lançado no Brasil, espero que alguma editora o faça.

Josie é uma menina de apenas treze anos que se depara com a perda da mãe precisa aprender a lidar desde muito cedo com as responsabilidades e cuidados com sua família como única filha mulher. Ela se descobre quando conhece a música, especialmente o piano e a música clássica. Foi desde muito moça que começou a aprender a tocar esse instrumento que requer muito tempo e dedicação e foi com Samuel que compartilhou o amor pela música.

De uma maneira inesperada, Josie e Samuel começam a ser amigos, tudo começa quando dividem o banco do ônibus escolar e aos poucos vão se conhecendo e a timidez que afligia ambos, vai diminuindo. Além do amor pela música, Josie também é apaixonada pela leitura, adora conhecer novas histórias e saber o significado das palavras é muito importante para ela, por isso carrega seu dicionário na bolsa e para se recordar de algumas palavras e até mesmo citações e frases resolve fazer anotações na parede acima de sua cama. E assim como com a música, ela não só a apresenta ao Samuel como começa a ajudá-lo conversando e discutindo sobre os livros que passam a ler juntos.

E é assim que uma boa amizade vai sendo construída, o único problema é que ela se apaixona por ele, um amor inocente que infelizmente não é correspondido, pelo menos é o que ela acredita, e um dos motivos é a diferença de idade, enquanto ela tem apenas 13 anos, ele possui 18 e qualquer envolvimento que não a amizade seria mal visto inadmissível por todos, inclusive por seu pai e irmãos.

No desenrolar da história, ele entra para os fuzileiros navais e ela continua o sonho de estudar música, se dedicando a cada dia; depois de um tempo, as cartas que trocavam vão se tornando esporádicas e a amizade vai sendo esquecida. Ela percebe que não pode mais sofrer por Samuel e segue em frente com sua vida, até conhece um jovem que a faz muito feliz e que lhe propõe casamento.

Quando Josie imagina que não pode ser mais feliz, tragédias começam a acontecer e ela vai ter que ser forte e decidir o que é melhor para sua vida. Entender que às vezes o destino parece muito cruel, quando na verdade ele está apenas nos preparando para o melhor.

resenhailustradarunning2resenhailustradarunning3

É difícil definir em palavras  o que senti quando terminei a leitura, é uma história sensível, cativante e muito bonita, daquelas que vai arrancar lágrimas dos leitores mais emotivos.

Boa leitura, beijos! ♥

Continue Reading

Resenhas

[Resenha] Porque ela pode – Bridie Clark

By on 13/12/2015

Oii, boa tarde leitores!

O livro de hoje envolve um assunto que adoramos: livros!

Claire Truman trabalha em uma editora como editora-assistente e apesar de seu salário não ser o suficiente, adora o que faz, o ambiente é agradável, aprende coisas novas a cada dia e seu chefe é mais do que um chefe, é como se fosse um segundo pai, um amigo que sempre que está ali para lhe aconselhar e ajudar.

Depois  de terminar um relacionamento, sua melhor amiga para lhe apoiar a leva até a inauguração de uma galeria, que não só a distrai como a faz encontrar um velho conhecido de faculdade, ou melhor, um homem que lhe atraia muito. E é desse encontro que Claire começa a se relacionar com Randall Cox, o homem dos seus sonhos, rico, bonito, inteligente, ele é perfeito. Tão perfeito que até mesmo conseguiu um emprego em uma grande editora com um ótimo salário e muitas oportunidades, mas o problema é que Vivian Grant está longe de ser uma chefe amiga, pelo contrário é conhecida por ser uma tirana, cruel e impessoal com os funcionários.

Claire apesar de adorar seu chefe, acha que é a hora de mudar, aceita o novo emprego e imagina que não pode ser tão ruim assim e acaba sentindo que não só é ruim, é muito pior do que imaginava, Vivian é a típica chefe que não se importa com finais de semana e nem horários, quando ela quer algo, tem que ser imediato e é assim que acaba sendo o dia a dia de Claire, ela se sente pressionada, estressada e super cansada e planeja ficar apenas por um ano aguentando isso, pois sabe que essa oportunidade lhe trará experiência e novas chances. Em meio ao stress, ela recorre a Randall, que apesar de ser romântico, não é muito presente, está sempre trabalhando e ocupado. No meio de tantos trabalhos para executar, a editora se vê diante de um que lhe chama atenção, em especial por ser do sobrinho do seu ex-chefe, de certa forma ela sente que deve isso a ele e tenta convencer Vivian a publicar a obra, a mesma aceita para confrontar o tio do autor e é assim que Claire começa a conhecer melhor Luke.

Dessa maneira Claire terá que decidir se segue seu coração ou se ouve sua razão e lembrar que nem sempre o namorado que parece perfeito é o perfeito para si.

porqueelapoderesenha1

porqueelapoderesenha

Eu adoro esse mundo editorial, fico imaginando quão emocionante é ter o nome impresso em um livro, saber que você participou e tornou possível uma publicação é realmente incrível.

O livro é interessante, me senti incomodada com a chefe Vivian Grant e saber que há pessoas assim é horrível, mas em compensação é ótimo saber um pouquinho mais de como trabalha uma editora e fiquei o tempo todo curiosa para ver qual seria a escolha de Claire, se ela seguiria seu coração ou sua razão, se ficaria com o Luke ou com o Randall.

Indico a todos que querem uma leitura rápida!

Boa leitura, beijos! ♥

Continue Reading