Projeto Quatro por 4

[Projeto Quatro por 4] Uma Estranha em Casa – Shari Lapena

09/06/2019

Olá, boa noite leitores!

O livro escolhido para a leitura coletiva foi Uma Estranha em Casa, de Shari Lapena.

Editora: Record

Páginas: 266

Uma vida da qual você não se lembra. Um passado do qual você não consegue escapar

Comprar (Amazon)

Karen Krupp acorda no hospital, sem ter a menor ideia de como foi parar nele. Tom, seu marido, diz que a porta estava destrancada quando ele entrou em casa, as luzes acesas, e que a esposa provavelmente saiu às pressas quando estava preparando o jantar, pelo que ele viu na cozinha. Karen perdeu o controle do carro enquanto dirigia a toda a velocidade e bateu de frente num poste. O mais estranho: o acidente aconteceu num dos bairros mais perigosos da cidade. A polícia suspeita de que Karen esteja envolvida em algo obscuro, mas Tom tem certeza de que não. Ele está casado com ela há dois anos, conhece muito bem a mulher. Será mesmo? Vai perguntar tudo a Karen quando chegar ao hospital, depois de dizer que a ama e que está feliz por ela ter sobrevivido, é claro. Mas Tom não obtém resposta nenhuma… porque ela não se lembra de absolutamente nada.

Amanda Couto – Bookaholic $em Grana

Livros de suspense tem um ponto a mais comigo só pelo gênero, porque eu sou apaixonada pela vibe de tentar desvendar um mistério nas entrelinhas da história, e fico feli em dizer que me empolguei tentando desvendar “Uma Estranha Em Casa”.
A vida pacata, tranquila e entediante de nosso casal protagonista é virada de cabeça pra baixo com o acidente que Karen sofre.
O livro é contado em 4 pontos de vista, o que de início me deixou preocupada e com medo da autora se perder em meio a tantos pensamentos e personalidades diferentes de cada personagem ,as felizmente isso não aconteceu e todos esses pontos de vista se tornam de vital importância para a conclusão da história.
Um ponto a criticar foi que não consegui me sentir 100% envolvida pelo universo da história e pelos personagens, apesar do final bem surpreendente, nada ali me trouxe muita emoção. Karen foi minha favorita, se mostrando sempre muito esperta (o oposto do marido que era bem tolo a maior parte do tempo, o que me irritava bastante).

 

Bia Constante – Books and Birds

Com um título notadamente curioso e arrisco dizer, ambíguo, Uma Estranha em Casa é um thriller instigante. Uma leitura rápida que surpreende o leitor com o desfecho e que o faz pensar que poderá haver uma continuação! No decorrer do livro formulei um enredo e pensei ter resolvido todo o mistério e imagina como me senti ao perceber que estava enganada e que se tratava de muito mais, haha!

Uma história composto por um crime, um amor não correspondido e muitas respostas enevoadas. Salvo alguns pontos da narrativa que foram um tanto quanto monótonos,  penso que a autora poderia ter agilizado alguns fatos e se prolongado em outros, foi uma experiência interessante.

 

 Camila Melo – A Bookaholic Girl

Superficial. O que geralmente se espera de um livro no gênero de suspense é uma trama que instigue seus leitores, e infelizmente Uma estranha em casa não consegue sustentar essa ideia básica. A autora Shari Lapena ao desenvolver a trama com capítulos extremamente curtos e progressão da história de forma rasa, acaba por deixar muita coisa de fora, até mesmo na construção de personagens. Estes, não causam empatia e muito menos um sentimento de aversão, são personagens tão chatos que fica difícil duvidar de suas ações. Além disso, a narrativa em terceira pessoa variando o foco em diferentes personagens poderia ser mais um elemento de força para sustentar a história, mas por fim acaba por ser mais um detalhe mal construído, visto que não altera em nada o que está sendo contado. Infelizmente foi um livro que não me convenceu e que a trama até o final, na última página, só provocou um sentimento de apatia.

 

 Carla Lopes – Coelho da Lua


Logo de início já senti certa dificuldade em me prender ao enredo do livro. Com uma escrita um tanto forçada, a autora me decepcionou bastante ao não conseguir me instigar a desvendar a trama.
Achei os personagens fracos e não consegui sentir empatia ou mesmo asco por eles.
Os capítulos intercalados, que poderiam ter sido uma vantagem, só acabaram por fazer perder o ponto da leitura.
Foi um livro que me desagradou de muitas formas, e mesmo que seja um dos meus gêneros favoritos, essa é uma leitura que eu vou desconsiderar.

 

Willyara S. Amorim – Entre nos Mundos

Uma Estranha em Casa da autora Shari Lapena é o segundo livro publicado aqui no Brasil, mas o primeiro que li e sinceramente gostei.
Comecei a ler despretensiosamente, mas a cada capitulo que acabava eu pensava “só mais um”. Um thriller que começa te jogando na ação vale a atenção, afinal, Karen sai de repente casa e bate em um poste com um pensamento de “tudo faz sentido”, enquanto seu marido, ao chegar em casa se desespera ao perceber que a mulher não está lá e suas coisas estão. Horas depois descobre sobre o acidente da esposa.
Foi bom retomar um pouco de Thriller nas minhas leituras, estava fazendo falta e esse livro atendeu com o esperado.

O próximo livro a ser lido para o projeto Quatro por 4, que foi sugerido por mim:

Apenas uma Vez – Cleia Lira

Editora: Novo Século

Páginas: 384

Comprar (Amazon)

Helena é uma garota que partiu para uma viagem de formatura que prometia ser épica. O lugar escolhido foi Las Vegas, um destino ousado para uma recém-saída do Ensino Médio que nunca havia se arriscado tanto antes.
É na última noite na cidade das luzes de neon – regada a diversão e bebedeiras – que ela conheceu Jack, um encontro inusitado que não passaria de uma noite, acreditava ela.
De volta ao Brasil, ela recebe a notícia de que por trás daqueles olhos azuis está o vocalista do The Dangers, a banda de rock mais famosa da atualidade, e que ele se casou recentemente – para tristeza da legião de fãs do grupo.
Poderia ser um conto de fadas moderno para muitas garotas; porém, na pele de uma tímida menina como Helena, envolver-se apenas uma vez com um ídolo lhe trará grandes reviravoltas e muitas emoções.

O que acharam das resenhas? Já leram o título? Se sim, o que acharam da história? Me contem nos comentários!

Boa leitura, beijos!