Resenhas

[Resenha] Outro Dia – David Levithan (Série Todo Dia #2) #3mesescomKindleUnlimited

17/03/2018

Olá, boa tarde leitores!

Como havia mencionado, tinha aderido ao Kindle Unlimited ou pelo menos foi isso que havia pensado, mas infelizmente tive problemas e o serviço foi cancelado. 🙁

Estou frustrada? Siim! Havia planejado vários posts e saber que não poderei fazê-los é chato, mas para simplesmente não cancelar todo o projeto, vou ler os eBooks gratuitos que baixei no meu Kindle e que fazem parte do Unlimited e depois resenhá-los. Apesar de não ter mais a assinatura, eu consegui ler no curto espaço de tempo um livro e como a resenha dele já estava pronta achei que seria interessante compartilhar. O título escolhido foi Outro Dia, o segundo livro da série Todo Dia, do autor David Levithan.

Outro Dia

Série: Todo Dia

Autor: David Levithan

Editora: Galera Record

Páginas: 322

????

A marcante história de Todo dia, agora sob a perspectiva de Rhiannon Um dos mais inovadores autores de livros jovem adulto e o primeiro a emplacar uma trama gay na lista do New York Times, David Levithan retoma a sua mais emblemática trama em Outro dia. Aqui, a já celebrada — com várias resenhas elogiosas — história de Todo dia é mostrada sob o ponto de vista de Rhiannon. A jovem, presa em um relacionamento abusivo, conhece A, por quem se apaixona. Só que A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Mas embarcar nessa paixão também traz desafios para Rhiannon. Todos eles mostrados aqui.

—— ? ——

WOW! Li Todo Dia o ano passado especialmente para o Projeto Quatro por 4 e foi uma história que me deixou tão intrigada e com tantas perguntas sem respostas que confesso que até hoje ficava pensando se encontraria um desfecho ou não e segundo a sinopse do próximo livro que será lançado, parece que sim, vamos aguardar, haha! Mas voltando ao título que li, foi uma experiência interessante conhecer o lado de Rhiannon na história e o que mais me atraiu foi ter revivido detalhes que até então estavam adormecidos aqui. Senti a mesma emoção que senti ao ler o primeiro livro e mais, fiquei super ansiosa para saber se encontraria alguma pista e/ou fato novo e infelizmente não encontrei nada tão óbvio, mas ainda assim foi adorável!

Eu não consigo deixar de pensar na ideia de A ser mais do que uma “pessoa” que cada dia está em um corpo, penso que ele representa mais, algo que poderá chocar e nos impactar, que nos fará refletir acerca de nossa vida e como a encaramos, se realmente estamos aproveitando tudo que podemos e se os detalhes ínfimos ainda são presenciados ou se acabam se tornando meros fatos perdidos na nossa linha do tempo. Talvez eu esteja indo longe demais, mas talvez não, talvez o autor realmente queira nos apresentar um enredo surpreendente, ou melhor, ainda mais surpreendente, porque a história já foi muito bem desenvolvida e possui um ótimo mistério, aquele quê a mais que atrai e envolve o leitor do começo ao fim, que para ficar perfeito somente precisa ter um desfecho singular!

Quotes

 “— Tem tantas coisas que podem manter você num relacionamento — diz ele. Seus olhos me imploram para ouvir. — Medo de ficar sozinho. Medo de bagunçar a ordem da sua vida. A decisão de se acomodar com algo que é razoável porque você não sabe se pode arrumar coisa melhor. Ou, talvez, a crença irracional de que vai ficar melhor, mesmo que você saiba que ele não vai mudar.” (Kindle 870-873)

?

“Será que faz sentido que algumas pessoas tenham tudo que querem porque são bonitas? Será que seríamos pessoas mais legais — ou, ao menos, um pouco mais humildes — se tivéssemos que trocar de corpo todos os dias?” (Kindle 1673-1675)

?

“— Você é vegetariana? — pergunta A. Faço que sim com a cabeça. — Por quê? Estou tão cansada desta pergunta. Essa pergunta não deveria estar sendo feita para quem come carne? E é sempre como se esperassem uma resposta maluca. Então decido dar a resposta mais maluca que consigo pensar. Mantenho a expressão séria e respondo: — Porque tenho essa teoria de que, quando nós morremos, todos os animais que nós comemos têm uma chance de nos comer. Se você é carnívoro e somar todos os animais que comeu… bem, vai ser um longo tempo no purgatório sendo mastigado.”(Kindle 2181-2188)

?

“Coisas sem definição, como o amor e a atração, são as mais difíceis de mapear.” (Kindle 2799-2800)

?

As palavras são uma parte do problema. O fato de existirem palavras diferentes para ele e ela, dele e dela. Eu nunca tinha pensado nisso antes,  em como isso é segregatório. Talvez se houvesse um único pronome para todos nós, não ficaríamos tão presos a essa diferença.” (Kindle 3658-3662)

?

“— Mas todos nós temos os mesmos mistérios, não é? Talvez não o de onde veio, mas você realmente saber por que se é do jeito que é? Ou por que faz as coisas que faz? Não sei por que nasci assim, mas você também não sabe por que nasceu do jeito que é. Estamos todos na escuridão. A questão é que a minha escuridão é um pouco menos comum do que a sua. Até onde nós sabemos.” (Kindle 4329-4332)

—— ? ——

Primeira Leitura Kindle Unlimited

Realizei a leitura deste livro em poucos dias e foi uma ótima primeira experiência!

Preço no dia de hoje (19/03/2018) do eBook na Amazon é R$25,46. O que já ultrapassa o valor total da assinatura do Kindle Unlimited que é de R$19,90. Portanto, ponto positivo para o serviço, hihi!

Boa leitura, beijos!