Resenhas

[Resenha] Menina Veneno – Carina Rissi (Jornada MLV #1)

15/01/2018

Olá, boa noite leitores!

Começando a semana com a resenha de Menina Veneno, o primeiro livro lido durante a Maratona Literária de Verão.

Malvina Neves, uma mulher bonita, rica e independente, antes de se tornar uma modelo super famosa e conceituada, chegou a morar em um orfanato até os seus dezoito anos. Ao conquistar a fama, ela conhece Henrique, um famoso piloto e eles se casam, contudo, por obra do destino, o mesmo acaba se envolvendo em um acidente e morre. Devido a tal tragédia, a jovem modelo fica com a guarda de Bianca, sua enteada, e tem como “obrigação” cuidar da mesma até que ela faça dezoito anos.

Quando Bianca começa pouco a pouco a conquistar alguns trabalhos, trabalhos estes que anteriormente pertenciam a sua madrasta, a mesma não se sente confortável e decide interferir.

Será que a pequena interferência, que segundo Malvina tem como intuito apenas deixar a enteada fora por um tempo, realmente a ajudará a recuperar seus trabalhos? E será que Bianca é essa doce e inocente menina que todos pensam ser?

Entre tortinhas de maçã, desfiles, campanhas carérrimas e um amor não realizado, poderemos enfim, compreender melhor o lado de uma das mulheres que sempre foi considerada por todos como uma grande vilã!

Acostumada a ler calhamaços repletos de detalhes e acontecimentos, devo mencionar que fui muito surpreendida com este conto! Com pouco menos de 200 páginas, Menina Veneno retrata a velha história da madrasta que tenta envenenar a enteada com uma maçã, só que desta vez ao invés de conhecermos o lado da menina, conhecemos o lado da madrasta. Isso mesmo, Malvina Neves conversa com o leitor e conta com detalhes toda a sua história, desde a infância/adolescência em um orfanato até os dias atuais repletos de fama, belas roupas, acessórios e namorados, ou devo dizer, affairs! Achei incrível a própria personagem ser a narradora, a sensação que se tem é que ela realmente está conversando diretamente com você, eu adorei!

Este livro é uma espécie de extensão do conto que foi publicado pela autora em O livro dos Vilões. Por isso penso que não devemos comparar com os demais títulos da autora, títulos estes que possuem uma outra proposta e premissa e diria até mesmo outro público, já que este é mais voltado para o gênero juvenil. É uma leitura leve, rápida e com pitadas de romance e humor!

Quotes ?

Diagramação ?

O pequeno exemplar possui orelhas; foi impresso em papel off white; a fonte principal interna possui um tamanho adequado para proporcionar ao leitor uma experiência de leitura confortável e as diversas fontes que foram utilizadas nas manchetes de revista/jornais e no início de alguns capítulos atraem a atenção do leitor e o envolvem na história. A capa possui um belo contraste de cores e uma bela ilustração que é composta pelo principal elemento da história! Além desta ilustração principal, antes de cada capítulo há manchetes, que citei anteriormente, e a ilustração de um espelho, que não poderia faltar, afinal estamos falando da vilã que carrega consigo a famosa frase: “espelho espelho meu, existe alguém mais bela do que eu?”, haha!

Eu confesso que esperava bem mais, mas sei que isso aconteceu, porque simplesmente estou acostumada com as longas e detalhadas histórias da autora, histórias estas que te levam para outro mundo, com muitos personagens, crushes e acontecimentos. Penso que se eu tivesse lido este livro alguns anos atrás, mais especificamente na adolescência, com certeza teria gostado bem mais, haha!

Se eu recomendo a leitura? Sim, recomendo! Partindo da premissa que Menina Veneno é uma releitura de um dos contos mais conhecidos e que o mesmo é voltado para o público mais jovem, penso que ele cumpre muito bem o seu papel!

Boa leitura, beijos!