[Resenha] O Bosque de Faias – Amanda Bonatti (Série O Bosque de Faias #1)

Continue Reading

[Resenha] Alucinadamente Feliz – Jenny Lawson

Continue Reading

[Resenha] Azul Instantâneo

Continue Reading

[Resenha] Depois dos Quinze – Bruna Vieira

Continue Reading
Aleatoriedades

[Aleatoriedades] Minha semana em 3 fotos

By on 17/02/2019

Olá, boa noite leitores!

Há tempos que estou querendo compartilhar um pouco mais da minha semana, compartilhar sobre outros assuntos que não a literatura e hoje pensando em diversidades que descobri/venho experimentando, decide escrever esta postagem. A ideia é manter este tipo de post ativo e diversificar as fotos, ou seja, tirá-las em diversos ambientes e sem tanto arranjo, algo natural, com o intuito de mostrar e atrair.

Continue Reading

Resenhas

[Resenha] Alucinadamente Feliz – Jenny Lawson

By on 28/01/2019

Olá, boa noite leitores!

Para este novo ano decide mudar a maneira como escrevo as minhas resenhas. Ao invés de escrevê-las ao final da leitura, pensei que seria interessante ir anotando observações, trechos e até quem sabe músicas que acho que são relacionadas e/ou então frases soltas que estou pensando no momento. Para realizar o teste escolhi o livro Alucinadamente Feliz, uma história diferente de tudo que já li, pelo menos é o que estou percebendo, porque sim, enquanto escrevo já estou na página 29, haha!

Continue Reading

Séries/Filmes

Precisamos falar de “The Bold Type”²

By on 27/01/2019

Olá, boa noite leitores!

Há tempos que estou querendo assistir a segunda temporada de The Bold Type e ficava adiando, ora pelos estudos, ora pelo sono, mas enfim, tomei coragem, comecei e como já era esperado, finalizei completamente apaixonada. Sabe aquela série que cativa e inspira? É exatamente isso que está propicia. Três jovens com carreiras distintas que juntas lutam diariamente com seus medos, compartilham sorrisos, situações e mais, estão sempre a disposição para resolver o que quer que as estejam confrontando e/ou receando.

Continue Reading

Conjuntinho de Palavras

Sou eu ou o mundo está de ponta cabeça?

By on 26/01/2019

Nascemos, aprendemos a falar, a observar nossos pais e fazer tudo que eles fazem, aos poucos vamos adquirindo “liberdades” como escolher a própria roupa, qual alimento favorito, cor e por aí vai. Aprendemos que a cada dia vivido é uma aventura e que até mesmo o dia aparentemente mais tedioso teve sim algum momento angustioso, que nos ensinou algo ou então algo surpreendente, que acrescentou. Quando pequenos acreditamos na bondade humana, somos tão inocentes que sequer percebemos as diferenças, sejam elas físicas, econômicas, mentais, isso começa a acontecer quando somos colocados na selva junto aos demais. Estresse, ansiedade, depressão, correria e ganância são verdadeiros monstrões que se alojam e começam a se desenvolver pouco a pouco, dia a dia e que quando não são tratados atingem um ápice que causa destruição.

Continue Reading